Seja bem vindo ao nosso site Musica - Informaçao e Entretenimento!

Política

Presidente do Solidariedade alvo de operação da PF

Publicada em 12/06/2024 às 18:38h

Link da Notícia:
Compartilhe
   

Presidente do Solidariedade alvo de operação da PF

Solidariedade, Eurípedes Júnior, investigado pela Polícia Federal por suspeita de desvio de aproximadamente R$ 36 milhões dos fundos partidário e eleitoral, passou a ser considerado como foragido pela corporação. O dirigente do partido é alvo de um dos sete mandados de prisão cumpridos pela PF nesta quarta-feira (12) sobre o caso, mas ainda não foi localizado pelos agentes. A RECORD apurou que o presidente do Solidariedade estava a caminho do aeroporto quando ficou sabendo da operação da Polícia Federal e decidiu fugir. A reportagem tenta contato com a defesa de Eurípedes Júnior

Além dos mandados de prisão, a Polícia Federal cumpre 45 mandados de busca e apreensão no DF, em Goiás e em São Paulo. Os alvos são dirigentes, ex-dirigentes e candidatos que concorreram a cargos pelo PROS (Partido Republicano da Ordem Social) nas eleições de 2018, antes de a sigla ser incorporada ao Solidariedade. A PF investiga, entre outras possíveis irregularidades, o uso de candidaturas laranja para receber dinheiro do fundo eleitoral.

 

 

Outros alvos da operação são a primeira tesoureira do Solidariedade, Cintia Lourenço da Silva; o primeiro secretário nacional do Solidariedade, Alessandro Souza da Silva; o secretário de Assuntos Parlamentares do Solidariedade, Felipe Antônio Espírito Santo; Fabrício George Gomes dos Santos; Bruno Aurélio Rodrigues da Silva Pena e Jarmisson Goncalves de Lima. Todos já foram presos, segundo apurou o R7 e a RECORD. A reportagem também tenta contato com as defesas.

Em nota enviada à reportagem, o Solidariedade informou que “esses são fatos ocorridos antes da incorporação do Pros ao Solidariedade”. “Não temos como responder sobre algo que aconteceu antes dessa junção”, afirmou o partido.

 

Compra de helicóptero

As investigações começaram em 2018, e segundo fontes na Polícia Federal, do início da apuração até 2023, a suspeita é de que tenham sido desviados R$ 36 milhões. Eurípedes Júnior teria comprado um helicóptero avaliado em R$ 2,4 milhões para uso pessoal com dinheiro do fundo. A aeronave está entre os alvos dos mandados de busca e apreensão desta quarta-feira.

Os investigadores ressaltam que encontraram, ainda, inícios de superfaturamento de serviços de consultoria jurídica e desvio de recursos partidários destinados à FOS (Fundação de Ordem Social), a fundação do partido.

 

“Os envolvidos estão sendo investigados pelos crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro, furto qualificado, apropriação indébita, falsidade ideológica eleitoral e apropriação de recursos destinados ao financiamento eleitoral”, disse a PF.

Outro caso

Em 2018, Eurípedes Júnior foi procurado pela Polícia Federal em uma operação que investigou um suposto desvio de dinheiro público no interior do Pará. A Operação Partialis mirou em um suposto esquema de desvios de mais de R$ 2 milhões em contratos da Prefeitura de Marabá para compra de gases medicinais.

 

Entenda: Presidente do PROS se entrega à PF e não fica preso

Eurípedes Júnior se apresentou a PF no dia 23 de outubro do mesmo ano, prestou depoimento e não ficou detido devido à lei eleitoral, que veta prisões ou detenções no período que vai de cinco dias antes até 48 horas após a eleição, exceto em casos de flagrante delito ou se houver sentença criminal condenatória por crime inafiançável ou desrespeito a salvo-conduto.

Busca e apreensão em 2019

Em 2019, as sedes do PROS em Brasília e em Planaltina de Goiás já tinham sido alvo de busca e apreensão da Polícia Federal. A corporação suspeitava de superfaturamento de contas de candidatos encaminhadas ao TRE-DF (Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal). De acordo com um relatório elaborado pela corporação à época, havia indícios irregularidades nas contas de candidatos do partido no DF e em outros estados.

Na época, a PF investigava o repasse de recursos milionários do fundo eleitoral para candidatos que tiveram votação inexpressiva nas eleições de 2018. O PROS alegou usar a própria gráfica — situada em Planaltina de Goiás — para imprimir o material de campanha de alguns candidatos. A sigla declarou esses valores como recursos estimáveis.

Na eleição de 2018, o partido disse, na prestação de contas inicial, ter investido mais de R$ 670 mil com propaganda para um concorrente a deputado distrital que obteve 690 votos.

Durante a análise das despesas pelo TRE-DF, o valor foi retificado para R$ 17,7 mil e se afirmou que os recursos foram destinados também a outros concorrentes. As contas foram, então, aprovadas. O mesmo ocorreu com outras candidaturas do Distrito Federal.

Na análise da prestação de contas de outra candidatura a deputado distrital, o desembargador que relatava o caso afirmou que existiam nos autos “indícios de possíveis irregularidades graves na contabilização das prestações de contas eleitorais dos candidatos a deputado distrital e federal do PROS/DF, nas eleições de 2018″. Ele ressaltou que as suspeitas não eram objeto das apurações da prestação de contas, o que estava a cargo da Polícia Federal. Nessa situação, apesar das retificações nos valores, as contas foram desaprovadas pelo tribunal.

Outra candidata de Goiás, que concorria para deputada estadual, recebeu R$ 217 mil do partido em propaganda, mas obteve 103 votos. A PF apontou ainda indícios de desvios de recursos para gastos com pessoal e combustíveis. De acordo com as investigações, esses pagamentos teriam sido feitos com cartões de crédito.

 










Locutores
Laelson Gravaçao
Notícias do Estado de Alagoas
PF apreende em AL celular de suspeito de compartilhar pornografia infantil em grupo internacional de mensagens
VÍDEOS: Bom Dia Alagoas, segunda-feira, 15 de julho
Dupla é presa suspeita de praticar assaltos na Gruta e no Farol, em Maceió
VÍDEO: Torcedores do CSA sofrem emboscada em Maceió; 4 pessoas são presas e um adolescente apreendido
PM prende quatro suspeitos de desmatar reserva indígena em Delmiro Gouveia, interior de AL
VÍDEOS: Gazeta Rural de domingo, 14 de julho
Exame de necropsia aponta que bebê de Chã Preta morreu por asfixia; não foram identificadas agressões
VÍDEOS: AL2 de sábado, 13 de julho
Vídeo mostra loja de móveis sendo atingida por fogo no Vergel do Lago, em Maceió
Publicidade Lateral
Banner Lateral 03
Banner Lateral 04
Banner Lateral 02
Radio Net
Top Música
1
Kiko Chicabana & Iguinho e LulinhaJeito Estranho
2
Washigtom BrasileiroQuero Estar Livre
3
HungriaBeijo Com Trap
4
Xand AviãoPerfume Caro
5
Bel MarquesSelva Branca
Ouvinte do Mes
Carol LimaBrasil
Mural

Enviar mensagem

Fabricio Nunes

Toda equipe do site está de parabéns pelo belo trabalho, cont...

Sandro

Parabéns a Toda Equipe do Site! Agora é noticia em tempo real...

Bento Junior

Parabéns\r\nSucesso!!!\r\nVoces estao de parabéns pela inicia...

Tamiris

vcs estao de parabéns!! adorei o novo site estar masa pricipalmente ...

Promoções
PROMOÇAO DE MAIO
Canal Youtube
Fan Page
Parceiros
Parceiro 03Parceiro 02Parceiro 01
Curtam Nossas Redes Socias e Fiquem Sempre Conectados!
Copyright (c) 2024 - - Todos os direitos reservados
Converse conosco pelo Whatsapp!
site, tv, videos, video, radio online, radio, radio ao vivo, internet radio, webradio, online radio, ao vivo, musica, shows, top 10, music, entretenimento, lazer, áudio, rádio, música, promocoes, canais, noticias, Streaming, Enquetes, Noticias, mp3, Blog, Eventos, Propaganda, Anuncie, Computador, Diversão e Arte, Internet, Jogos, Rádios e TVs, Tempo e Trânsito, �ltimas Notícias, informação, notícia, cultura, entretenimento, lazer, opinião, análise, jogos, Bandas, Banda, Novos Talentos, televisão, arte, som, Rádio E TV, Propaganda, Entretenimento, Webradio, CD